São Bernardo Cidade

Conheça os projetos que serão patrocinados pela BASF na América do Sul em 2024

Iniciativas serão implementadas no Brasil, no Chile e na Argentina ao longo do próximo ano

  • Data: 30/11/2023 14:11
  • Alterado: 30/11/2023 14:11
  • Autor: Redação
  • Fonte: BASF
BASF

BASF

Crédito:Divulgação

A BASF divulgou os 12 projetos de impacto social e ambiental que foram selecionados para serem patrocinados ao longo de 2024 no Brasil, Chile e Argentina. Os membros dos Comitês Locais de Sustentabilidade da companhia elegeram as iniciativas por meio do edital Conectar para Transformar que, desde 2017, seleciona atividades que contribuem com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU). Contabilizando os três países, a sétima edição contou com 192 inscritos.

Os selecionados serão implementados nos municípios onde a BASF possui algumas de suas unidades produtivas: Guaratinguetá e São Bernardo do Campo (SP/Brasil), Quinta Normal, Concón e Quintero (Chile) e General Lagos e Malvinas Argentinas (Argentina).

A seleção de projetos por meio de edital faz parte da estratégia de engajamento social da empresa, que está baseada em dois pilares: valor compartilhado, para contribuir com o desenvolvimento socioambiental e, ao mesmo tempo, realizar negócios rentáveis; e cidadania corporativa, a fim de participar do desenvolvimento social das comunidades em que a BASF está presente.

A seleção também está ligada ao Jeito E da companhia, atrelada à estratégia de sustentabilidade, da qual reforça que é possível aliar produtividade E desenvolvimento sustentável.

“Temos como objetivo apoiar iniciativas que fazem a diferença na vida das pessoas. Por isso, buscamos incentivar projetos que contribuem para o desenvolvimento socioambiental das comunidades onde estamos presentes. Além disso, queremos gerar oportunidades e ampliar nosso impacto positivo conectando pessoas, organizações sociais, poder público e empresas em busca da superação dos desafios sociais, sem perder de vista oportunidades de negócios”, afirma Ivânia Palmeira, consultora de Sustentabilidade e Engajamento Social da BASF.

O edital tem como eixos temáticos as áreas de educação científica, empregabilidade, educação ambiental e proteção dos recursos naturais e da biodiversidade. As iniciativas selecionadas contribuem para os seguintes ODS:

Conheça os projetos que serão patrocinados pela BASF na América do Sul em 2024
BASF

São priorizados projetos com engajamento de voluntários da BASF e que promovam a economia circular e que valorizem a diversidade, prioritariamente em relação a mulheres, à população negra, aos povos indígenas, às pessoas com deficiência, à comunidade LGBTI+ e a pessoas acima de 60 anos. É necessário que a organização desenvolva suas atividades há, pelo menos, um ano.

Por meio do Edital, a empresa já patrocinou 74 projetos desde 2017 nos três países. Somente em 2022, mais de 600 mil pessoas foram impactadas por iniciativas de engajamento social da BASF na América do Sul. 

Conheça os selecionados 

Guaratinguetá (SP):

  • Ateliê 60+ (Burburinho Cultural Produções Artísticas): inclusão e alfabetização de digital para idosos, em parceria com o no Centro de Referência em Assistência Social – CRAS – Vila Paulista.
  • Incluir+: potencializando a rede de empregabilidade das pessoas com deficiência (Instituto Lucas Amoroso – ILA): contribuir para o fortalecimento da rede de empregabilidade da PcD, conectando equipamentos públicos e privados, sociedade civil, PcD e seus familiares, através da metodologia do emprego apoiado.
  • Aprendizagem para corações e mentes (Gaia+):programa de formação em habilidades sociais, emocionais e ética para professores.

São Bernardo Campos (SP):

  • Jovem Forte: Empregabilidade e Diversidade (Associação de Ensino Social Profissionalizante – ESPRO): capacitação de 50 jovens em situação de vulnerabilidade social, buscando promover a promoção de direitos e incentivar a empregabilidade.
  • Pé no chão (Instituto Maria José): empreendedorismo por meio da confecção e venda de chinelos customizados, promovendo a recuperação do protagonismo pessoal, igualdade de gênero e crescimento econômico da comunidade local.
  • Colmeias Urbanas: Disseminando a Meliponicultura Urbana para proteção ambiental e geração de renda (Ecolmeia): disseminar a meliponicultura Urbana para a proteção ambiental da Mata Atlântica e geração de renda a seus moradores.

Argentina:

  • Club de Ciencia y Ambiente: fortalecimiento de la Educación Rural (Associação civil Mujer Raíz): ensino sobre biodiversidade como um recurso para os jovens cuidarem do ambiente, ao mesmo tempo que incorporam competências para entrada no mercado de trabalho.
  • Aprender a emprender 2024 (Junior Achievement Argentina): os jovens adquirem ferramentas de gestão de projetos, economia e desenvolvem as suas competências socioemocionais.
  • Curso de Instalador de Sistemas Eléctricos de Energías Renovables (Fundação Manos Abiertas): jovens em situação de vulnerabilidade terão a oportunidade de se formar obtendo o título de Instalador de Sistemas Elétricos de Energias Renováveis.

Chile:

  • Educación ambiental y descontaminación de aguas con pelo humano (Fundação Matter of Trust Chile): visa conscientizar a comunidade sobre a poluição das águas e criar soluções para descontaminação utilizando cabelo humano.
  • Ferias libres, Cero Desperdicio (Fundação Basura): recuperação de alimentos em feiras livres e sua doação para instituições de caridade.
  • Academia de Biotecnologia Agrícola (Academia de Biotech Biociencias Limitada): capacitar alunos com ferramentas de biotecnologia para formulação de projetos científicos tecnológicos com objetivo de resolver problemas locais.
Compartilhar:

  • Data: 30/11/2023 02:11
  • Alterado: 30/11/2023 02:11
  • Redação
  • BASF









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados