São Bernardo Mobilidade

BRT-ABC avança na construção do novo Terminal São Bernardo

O Terminal São Bernardo é um dos três que serão atendidos pelo BRT-ABC

  • Data: 09/02/2024 13:02
  • Alterado: 09/02/2024 13:02
  • Autor: Redação
  • Fonte: BRT-ABC
brt-abc

Desmontagem da cobertura

Crédito:Divulgação

As obras de construção do Terminal São Bernardo do BRT-ABC avançaram nas últimas semanas. A estrutura metálica da antiga cobertura já está sendo retirada para início da construção do novo terminal que abrigará o moderno Centro de Controle Operacional – CCO, de onde será possível realizar o planejamento e controle, de forma centralizada, toda operação do BRT ABC, suportado pela utilização de ITS (Intelligent Transport System), ou seja, produtos e serviços que usam informações e comunicação avançadas para melhorar os níveis de mobilidade e segurança no transporte público.

Também está sendo colocado o tapume ao redor de toda a praça do Terminal, o que permitirá a construção da plataforma que ficará no local.

Começou ainda o remanejamento das partes do Terminal que ficarão operando durante a obra  para atendimento do público.

O terminal ocupará uma área de 9.000m², com acessibilidade universal, plataforma em nível, climatização, wi-fi e cobrança antes do embarque.

O Terminal São Bernardo é um dos três que serão atendidos pelo BRT-ABC. Os demais serão os Terminais Tamanduateí e Sacomã.

FASE 1

As equipes também concluíram a preparação e concretagem da pista no trecho de 2,5 km da Fase 1 (São Bernardo-São Paulo), e já começaram as obras no sentido oposto.

Também avançaram as obras de recapeamento perto no cruzamento da Avenida Aldino Pinotti com Rua Dr. Marcel Preotesco e na Rua Versolato, em São Bernardo, e os trabalhos de confecção dos jardins ao longo do corredor do BRT-ABC.

A Fase 1 começou nas Avenidas Aldino Pinotti e Lauro Gomes, em São Bernardo, e terminou na Avenida Winston Churchill, em Rudge Ramos, divisa com São Caetano do Sul.

A próxima fase, a partir da divisa com São Caetano até o Terminal Sacomã, começa agora com a liberação da licença ambiental pela Cetesb, publicada no Diário Oficial do dia 7/02/2024.

BRT-ABC EM NÚMEROS

  • Capacidade de até 600 mil passageiros/dia, com demanda inicial de 173 mil passageiros/dia.
  • Operação com 92 ônibus totalmente elétricos fabricados no Brasil, com tecnologia nacional, inclusive baterias, por meio de parceria entre empresas como Eletra, Mercedes-Benz, WEG, Caio e outras;
  • Veículos de piso baixo, não poluentes, silenciosos e confortáveis, com wi-fi e ar condicionado;
  • Trajeto em via segregada, com 16 paradas fechadas, com ar condicionado e wi-fi, mais três terminais;
  • Cobrança realizada antes do embarque nos veículos, facilitando o acesso; embarque em nível e ampla acessibilidade;
  • Investimento total estimado em R$ 950 milhões, inteiramente a cargo da empresa privada operadora (Next Mobilidade);
  • Interligação com três terminais: São Bernardo (Corredor ABD), Tamanduateí (Linha 2-Verde do Metrô e Linha 10 Turquesa da CPTM) e Sacomã (Linha 2-Verde do metrô e Expresso Tiradentes).
  • Três opções de linhas: Paradora (16 paradas), Semiexpressa (8) e Expressa (só os terminais São Bernardo, Tamanduateí e Sacomã).
Compartilhar:

  • Data: 09/02/2024 01:02
  • Alterado: 09/02/2024 01:02
  • Redação
  • BRT-ABC









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados