Greve da CPTM: Alternativas para a linha 10-Turquesa

Greve de ferroviários afeta as linhas 7-Rubi, 8-Diamante, 9-Esmeralda e 10-Turquesa e pegou muita gente de surpresa na manhã desta quinta-feira; Paese não foi acionado

  • Data: 15/07/2021 07:07
  • Alterado: 15/07/2021 07:07
  • Autor: Redação ABCdoABC
  • Fonte: Estadão Conteúdo
Greve da CPTM: Alternativas para a linha 10-Turquesa

Crédito:

Você está em:

Os ferroviários de São Paulo estão em greve desde a meia-noite desta quinta-feira, 15. De acordo com a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), estão sendo afetadas nesta manhã as linhas 7-Rubi, 8-Diamante, 9-Esmeralda e 10-Turquesa. Já as linhas 11-Coral, 12-Safira e 13-Jade operam normalmente. O anúncio foi feito pelo sindicato da categoria na noite anterior.

Os trens da linha 8-Diamante estão circulando entre as estações Palmeiras-Barra Funda e Barueri. A linha 7-Rubi está fazendo o percurso entre as estações Palmeiras-Barra Funda e Caieiras. Já as linhas 10-Turquesa e 9-Esmeralda estão totalmente paradas. Não há previsão para o fim da greve.

ÔNIBUS DA EMTU SÃO ALTERNATIVAS PARA A LINHA 10-TURQUESA

São 14 alternativas de ônibus da EMTU que levam os moradores do ABC ao Terminal Sacomã, para acesso à linha 2-Verde do Metrô:

004 SAO BERNARDO DO CAMPO (PARQUE ALVARENGA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): VIAÇÃO RIACHO GRANDE – R$ 6,80

006 SAO BERNARDO DO CAMPO (JARDIM NAZARETH)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): ABC SISTEMA R$ 6,20

008 SAO CAETANO DO SUL (NOVA GERTI)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): VIAÇÃO TUCURUVI – R$ 5,20

063 RIBEIRAO PIRES (OURO FINO PAULISTA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): RIBEIRÃO PIRES – R$ 7,60

063EX1 RIO GRANDE DA SERRA (SANTA TEREZA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): VIAÇÃO RIBEIRÃO PIRES – R$ 7,60

066 SANTO ANDRE (JARDIM LAS VEGAS)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA PUBLIX – R$ 7,45

123: SAO CAETANO DO SUL (TERMINAL RODOVIARIO NICOLAU DELIC)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA TUCURUVI – R$ 5,20

152: SAO BERNARDO DO CAMPO (AREA VERDE)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA) – VIAÇÃO RIACHO GRANDE – R$ 6,80

153 SAO BERNARDO DO CAMPO (CONJUNTO TERRA NOVA II)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): VIAÇÃO RIACHO GRANDE – R$ 6,80

154 SAO BERNARDO DO CAMPO (JARDIM NAZARETH)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA ABC SISTEMA -R$ 6,80

158 MAUA (JARDIM ZAIRA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA EAOSA R$ 7,45

160 MAUA (JARDIM ADELINA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA EAOSA – R$ 7,45

212 DIADEMA (JARDIM SAPOPEMA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA ABC SISTEMA – R$ 6,20

236 DIADEMA (TERMINAL METROPOLITANO PIRAPORINHA)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA: ABC SISTEMA – R$ 6,20

431: SAO BERNARDO DO CAMPO (JARDIM LAS PALMAS)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): VIAÇÃO RIACHO GRANDE R$ 6,80

493 SANTO ANDRE (PRINCIPE DE GALES)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA VIPE – R$ 5,75

493DV1 SANTO ANDRE (PRINCIPE DE GALES)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA: VIPE R$ 5,75

494 SAO CAETANO DO SUL (TERMINAL RODOVIARIO NICOLAU DELIC)/ SAO PAULO (TERMINAL SACOMA): EMPRESA TUCURUVI – R$ 5,20

Pelo Twitter, a CPTM informou a usuários que o Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência (Paese) não será acionado. O sistema oferece alternativas de transporte a passageiros quando há interrupção no funcionamento de linhas de ônibus, metrô ou trem. “Não há previsão de Paese em casos de greve“, escreveu a companhia na rede social. Durante a greve dos metroviários, há cerca de dois meses, o sistema foi acionado.

O Sindicato alega que tenta negociar desde março com a CPTM, que propôs um reajuste salarial de 0% para este ano de 2021 e se mostrou “intransigente” durante reunião na tarde desta quarta, no Tribunal Regional do Trabalho. Eluiz Alves de Matos, presidente do Sindicato, afirma ainda que a empresa não cumpriu um acordo prévio de pagamento da multa do Programa de Participação de Resultados. As parcelas estavam previstas para março e junho deste ano.

Trabalhamos em toda a pandemia, perdemos vários companheiros para a covid-19, e estamos sem reajuste desde o ano passado. Aguardamos que o governo do Estado se sensibilize e minimamente atenda às nossas demandas“, diz Matos.

A decisão pela greve foi tomada durante assembleia no último dia 6 e uma nova reunião da categoria está marcada para a tarde desta quinta-feira, 15. Além do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, também aderiram à paralisação o Sindicato dos Ferroviários da Zona Sorocabana e o Sindicatos dos Engenheiros de São Paulo.

Em nota publicada em suas redes sociais, a CPTM diz lamentar a greve e afirma que tem uma decisão da Justiça do Trabalho que obriga a manutenção de 80% dos profissionais da categoria durante os horários de pico e 60% nas demais horas, sob pena de R$ 100 mil por hora. “A empresa também irá operar com um plano de contingência para atender a todos que precisam do transporte, principalmente aos que trabalham em serviços essenciais”, diz o texto.

As linhas 11-Coral, 12-Safira e 13-Jade operarão normalmente nesta quinta-feira.

Compartilhar:
1
Crédito:
1
Crédito:

  • Data: 15/07/2021 07:07
  • Alterado: 15/07/2021 07:07
  • Autor: Redação ABCdoABC
  • Fonte: Estadão Conteúdo









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados