ABC Acontece

PAM Capuava premia empresas e órgãos públicos

Evento realizado na manhã desta sexta-feira, 11, na Refinaria Capuava, celebrou a atuação dos 21 associados que se destacaram na prevenção de acidentes e outras emergências em 2021 e 2022

  • Data: 11/08/2023 16:08
  • Alterado: 11/08/2023 16:08
  • Autor: Redação
  • Fonte: COFIP ABC
PAM Capuava premia empresas e órgãos públicos

PAM Capuava premia empresas e órgãos públicos

Crédito:Divulgação

O Plano de Auxílio Mútuo (PAM Capuava), apoiado pelo COFIP ABC (Comitê de Fomento Industrial do Polo do Grande ABC), promoveu nesta sexta-feira, 11, a cerimônia de premiação de empresas e órgãos públicos que se destacaram em 2021 e 2022 no atendimento aos requisitos do PAM. Desde 2013, a premiação avalia o atendimento às atividades do PAM, como simulados de emergência, auditorias em empresas e testes de comunicação via rádio, e tem tido papel fundamental na prevenção de acidentes de outras emergências.

Realizado no Centro de Treinamento Petrobras, em Mauá, o evento reuniu dezenas de pessoas, entre brigadistas, moradores, gestores das empresas e autoridades municipais. O coordenador do PAM Capuava, Valdemar Conti, destacou que o Prêmio Destaque fortalece o compromisso das associadas com a saúde e a segurança de seus colaboradores e tem impulsionado o aprimoramento contínuo dos procedimentos. “De todas as exigências estipuladas pelo PAM, as associadas cumpriram 97% dos requisitos, todas elas foram premiadas”, afirmou.

O PAM Capuava foi incorporado ao COFIP ABC em 2015 e, desde então, os esforços de conscientização em saúde e segurança têm aumentado. “Muitas melhorias foram feitas ao longo desses 18 anos de parceria, como a campanha que mostra os perigos na soltura de balões, os treinamentos integrados entre as empresas, a agilidade na comunicação entre empresas e órgãos públicos, além dos projetos de comunicação desenvolvidos em conjunto”, citou o gerente-executivo do COFIP ABC, Francisco Ruiz, salientado a importância de manter a população do entorno do Polo engajada nas atividades desenvolvidas.

Além de representantes das 21 empresas e órgãos públicos associados ao PAM, prestigiaram o evento o Prefeito de Mauá, Marcelo Oliveira, acompanhado de seu secretário de Desenvolvimento Econômico, Edilson de Paula Oliveira, e da Secretária Adjunta de Desenvolvimento Econômico, Vera Scudeiro; o comandante do 8º GB Cel. Marcelo do Espírito Santo Ramos, a Cap. Lidiara Beatriz Kurachi Lenarduzzi, representando a Defesa Civil Estadual, o representante da CETESB, João Carlos Mucciacito; o gerente de Gestão Empresarial da Abiquim, Luiz Shizuo e moradores que integram o CCC (Conselho Comunitário Consultivo).

O que faz o PAM?

Por meio do PAM, empresas em situação de emergência podem solicitar apoio de outras, que fornecem recursos humanos e materiais, como profissionais brigadistas e viaturas de combate a incêndio, para responder à emergência. O sistema utiliza um rádio de comunicação digital, disponibilizado em todas as empresas, operando em um canal de frequência exclusiva do PAM. Quando ocorre uma emergência, a empresa aciona o sistema, e as parceiras recebem o chamado para disponibilizar equipes de socorro. Além disso, vias internas bem-sinalizadas, que conectam as diversas plantas industriais, permitem uma resposta rápida em caso de necessidade.

Quem participa do PAM?

Participam do PAM 21 empresas:  Ambipar Response, AkzoNobel, Bandeirante Química, Braskem (PE 7, PP 4 e Q 3), Cabot, Chevron Oronite, quantiQ, Consigaz, Copa Energia (Liquigás), NGC (Copagaz), Oxicap (Air Liquid), Oxiteno, PMS Consultoria, Recap – Petrobras, Supergasbras, Ultragaz (Capuava e Mauá) e Vitopel. Também integram o PAM seis órgãos públicos: 8º Grupamento de Bombeiros, Defesa Civil (Mauá, Ribeirão Pires e Santo André) e SAMU – Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Mauá e Santo André).

Compartilhar:

  • Data: 11/08/2023 04:08
  • Alterado: 11/08/2023 04:08
  • Autor: Redação
  • Fonte: COFIP ABC









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados