Aposta divergente

Enquanto toda a indústria automotiva brasileira está prorrogando o período de paralisação das fábricas por causa da quarentena motivada pela pandemia do Covid-19, a Marcopolo resolveu adotar um caminho diferente. Após vinte dias de férias coletivas, a encarroçadora de ônibus gaúcha retomou atividades de forma parcial nas unidades de Caxias do Sul (RS) e Xerém […]

  • Data: 22/04/2020 09:04
  • Alterado: 22/04/2020 09:04
  • Autor: Luiz Humberto Monteiro Pereira
  • Fonte: AutoMotrix
Aposta divergente

Fábrica da Marcopolo em Caxias do Sul/RS

Crédito:Divulgação

Você está em:

Enquanto toda a indústria automotiva brasileira está prorrogando o período de paralisação das fábricas por causa da quarentena motivada pela pandemia do Covid-19, a Marcopolo resolveu adotar um caminho diferente. Após vinte dias de férias coletivas, a encarroçadora de ônibus gaúcha retomou atividades de forma parcial nas unidades de Caxias do Sul (RS) e Xerém (RJ) no dia 13 de abril. Segundo a empresa, foram adotadas medidas de prevenção e combate ao novo coronavírus e recomendações dos órgãos de saúde e governamentais. A empresa tem uma equipe médica de plantão nas unidades com um protocolo completo de triagem, atendimento e encaminhamento de quaisquer casos suspeitos que possam ser identificados em seu quadro funcional, atendendo também de forma remota os empregados que permanecem em casa com suas famílias. Em todas as unidades industriais, foi reforçado o sistema de higienização dos locais de uso comum, como vestiários, restaurantes, banheiros, acesso a elevadores, corrimãos e catracas. Logo na chegada, todos têm a temperatura verificada com medidores infravermelho e se necessário são encaminhados aos ambulatórios para orientação. Nos postos de trabalho será redobrada a atenção para manter a distância mínima, além do uso dos equipamentos de proteção individuais de acordo com a função e máscaras de tecido fornecidas pela empresa. Foram adotadas ainda ações preventivas como demarcação de locais para manter a distância recomendada entre os empregados.

Garantia ampliada

Para reduzir os impactos gerados pela quarentena causada pela pandemia do Covid-19, a Mercedes-Benz decidiu ampliar por mais dois meses o período de cobertura de garantia de caminhões, ônibus e modelos da linha Sprinter. Essa decisão temporária e emergencial é válida somente para veículos com garantia encerrada a partir de 1º de março deste ano. “Todos os veículos comerciais da marca envolvidos nessa ação especial receberão um adicional de sessenta dias ao seu período de cobertura de garantia original, bem como do Programa Service 24h. Com a garantia estendida por mais dois meses, as empresas e os autônomos ganham fôlego, segurança e tranquilidade para se dedicar as suas atividades de transporte, tão essenciais nesse momento difícil para todos nós, assegurando o abastecimento de alimentos, medicações e outros suprimentos, além das cargas e produtos que movimentam a economia do país”, informa Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

Ação preventiva

A Rede de Distribuidores Randon está entregando álcool em gel para caminhoneiros em todo o Brasil. A iniciativa, que vem sendo desenvolvida desde o início de abril, atende aos transportadores de cargas que estejam em deslocamento nas rodovias. Ao todo, o projeto distribuirá 50 mil frascos de álcool em gel em pontos de atendimento espalhados pelo país. Na fase atual da iniciativa estão sendo disponibilizados 15 mil unidades junto à Rede de Distribuidores da Randon Implementos. Os cerca de oitenta pontos de atendimento presentes em vinte e quatro Estados seguem abertos nesse período, seguindo as recomendações de higiene e atendimento sem aglomerações, mantendo os serviços de manutenção e reposição de peças dos implementos rodoviários utilizados no transporte de carga. Com frascos de 96 gramas, que facilitam o manuseio no dia a dia do caminhoneiro, o álcool em gel ajuda na correta higienização das mãos, acompanhando as recomendações de saúde. No rótulo do produto distribuído na ação, a companhia inseriu um QR Code, que direciona para o site das Empresas Randon, com mais orientações e informações úteis para a prevenção contra o novo coronavírus. A iniciativa reúne, entre outros apoiadores, a startup TruckHelp, a SIM Rede de Postos, a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR), o Serviço Social do Transporte (SEST), o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT) e a Rede de Distribuidores da Randon Implementos.

Sem dar carona ao corona

Os serviços de transporte e logística são essenciais neste momento de crise, mas é preciso que os profissionais redobrem os cuidados para reduzirem os riscos. Pesquisas mostram a intenção dos caminhoneiros de continuarem rodando, até para manter o abastecimento do país e transportar suprimentos de saúde, porém, é importante que os trabalhadores desse setor estejam protegidos também. A equipe do aplicativo de cargas e serviços TruckPad fez uma lista com dicas para os caminhoneiros se protegerem:

1) Higienize o volante e as áreas de maior contato no caminhão com álcool 70% – lavar as mãos, usar álcool em gel quando isso não for possível e cobrir o rosto com o cotovelo para tossir ou espirrar.

2) Faça uso de aplicativos – Encontrar carga (sem ter que ir aos terminais), agendar serviços de manutenção e até encontrar restaurantes abertos podem ser mais fáceis pelo celular, sem rodar de forma desnecessária.

3) Não deixe de se alimentar e dormir bem – Manter o corpo saudável e o sistema imunológico em dia é essencial para este momento. Não deixe de ter um sono de qualidade e de se alimentar bem, comendo frutas e verduras sempre que possível.

4) Evite contato próximo na hora de carregar e descarregar – Procure ficar distante das outras pessoas. Se possível, use máscara e evite cumprimentos. Evitar a proliferação do vírus permitirá que todos voltem às atividades normais o quanto antes.

5) Deixe sapatos e roupas do trabalho do lado de fora ao voltar para casa – Ao retornar para a residência, vá diretamente ao local de lavagem, evitando possíveis contaminações ao resto da casa.

Compartilhar:
1
Crédito:Divulgação
1
Crédito:Divulgação
1
Crédito:Divulgação
1
Crédito:Divulgação Fábrica da Marcopolo em Caxias do Sul/RS

  • Data: 22/04/2020 09:04
  • Alterado: 22/04/2020 09:04
  • Autor: Luiz Humberto Monteiro Pereira
  • Fonte: AutoMotrix









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados