Programação de julho no Sesc Santo André está recheada de atrações

Espetáculos de teatro e literatura, vivências, recreações esportivas e oficinas são alguns dos destaques no mês

  • Data: 08/07/2024 08:07
  • Alterado: 08/07/2024 08:07
  • Autor: Redação
  • Fonte: Sesc Santo André
julho-em-sesc-santo-andre

Cadê? - Com a 2 Mililitros Cia. Teatral

Crédito:Divulgação

Você está em:

O mês de julho no Sesc Santo André promete agitar as férias de todos os públicos de todas as idades. Ao longo do mês, uma variedade de atividades culturais, artísticas e esportivas gratuitas preencherão os dias, visando proporcionar diversão e aprendizado em um ambiente acolhedor. 

A programação inclui espetáculos, oficinas, contação de histórias e exibições de filmes, como Lino: O Filme, e Tito e os Pássaros. As sessões acontecem no Espaço de Tecnologias e Artes, sempre às quintas-feiras à tarde. Além disso, apresentações como CADÊ?Zebra sem nome e Os Céus e Suas Histórias aproximam o público da magia do teatro, com histórias que irão encantar a todos. 

As oficinas, como a de Estamparia Com Símbolos Adinkras, onde as crianças poderão criar estampar em tecido conectando o público a história dos povos Akan, e Como Faz Casa João de Barro?, que ensina técnicas ancestrais de construção com materiais naturais, instigam a descoberta de novas habilidades. Outras atividades incluem vivências sensoriais para bebês, oficina de confecção de bonecas Abayomis e experiências interativas com elementos naturais. 

A literatura também está presente na programação com a mediação de leitura Vozes Negras Na Literatura, promovendo autores e protagonistas negros para fortalecer a autoestima e o respeito às diferenças. Além disso, o Sesc Santo André traz uma oportunidade única com o atleta Sandro Carvalho, compartilhando sua experiência no voleibol brasileiro e incentivando a prática esportiva entre os participantes, além de diversas atividades físico-esportivas que compões a programação do projeto Se Joga Nos Jogos, exaltando as modalidades das Paraolimpíadas.

Todas as atividades são abertas ao público, algumas com inscrições no local para as oficinas com 30 minutos de antecedência, outras com retirada de ingressos nas bilheterias das unidades, ou pelo aplicativo Credencial Sesc SP. Para mais detalhes sobre horários e programação completa, os interessados podem consultar o site do Sesc Santo André. Confira a programação completa no Portal Sesc SP. 

Programação: 

Queremos Férias! 

Cinema e Vídeo 

Lino, o filme
Animação, Comédia, Família, Fantasia | BRA | 93′
Dia 18/7, quinta, das 15h às 16h30
Espaço de Tecnologias e Artes
Livre – Autoclassificação
Grátis 

Tito e os Pássaros
Animação | BRA | 73′
Dia 25/7, quinta, das 15h às 16h30
Espaço de Tecnologias e Artes
Livre – Autoclassificação
Grátis 

Teatro 

Cadê?

Com a 2 Mililitros Cia. Teatral 

Com pesquisa voltada para ações culturais para a primeira infância, a 2 Mililitros Cia. Teatral formada pelas atrizes Júlia Mariano e Thiane Lavrador apresenta o espetáculo Cadê? – peça para bebês. Desenvolvido através da observação da maneira lúdica com a qual os bebês interagem e descobrem o mundo ao seu redor, o espetáculo Cadê? É destinado a bebês de 0 a 3 anos. Todos os adereços utilizados são objetos cotidianos e ganham uma nova função através do universo brincante e da imaginação. Após a apresentação o público é convidado a entrar em cena e explorar livremente o cenário e os adereços. 

Dia 14/7, domingo, das 11h às 11h40

Sala de Práticas Corporais

Livre – Autoclassificação

Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência. 

Zebra sem nome 

Uma jovem e inquieta zebra, moradora da savana africana, faz uma jornada mundo afora à procura de autoconhecimento e ao direito mais básico de todos: um nome para chamar de seu, um sinal que a caracterize como indivíduo na manada e na sociedade. 

De 7 a 28/7, domingos, das 16h às 17h

Teatro

Livre – Autoclassificação

Ingresso – R$ 30,00 / R$ 15,00 / R$ 10,00 

Os Céus e Suas Histórias

com a 2 Mililitros Cia Teatral 

Os céus e suas histórias têm direção de Elenira Peixoto e conta a história de uma das primeiras mulheres cientistas. Ao final da apresentação, público é convidado a explorar o espaço cênico interagindo com cenário, adereços e elenco. É através de elementos da dança e jogo de luz e sombra que se cria uma atmosfera lúdica que conduz os pequenos espectadores por uma viagem interespacial. 

Dia 28/7, domingo, das 11h às 11h45

Espaço de Tecnologias e Artes

Livre – Autoclassificação

Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência. 

Oficinas 

Estamparia com Adinkras
com Cia Amora

Os símbolos Adinkras fazem parte de um sistema de escrita pictográfica usados na estamparia africana dos povos Akan, presente em Gana, Costa do Marfim e Togo. A partir de carimbos confeccionados com símbolos Adinkra, as crianças vão experimentar a criação de estampas por meio da impressão por carimbos sobre o tecido, durante o processo serão apresentados os símbolos Adinkras, suas origens e os significados, que acompanham a arte e a escrita psicográfica dos povos Akan, utilizando diferentes materiais para colorir durante a produção de pôsteres, que as crianças podem levar para casa.

Dia 3/7, quarta, das 14h às 15h30
Espaço de Tecnologias e Artes
Livre – Autoclassificação
Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência. 

Bebê Natureza
com Daterra Educação e Permacultura 

Nesta vivência, adultos e crianças são incentivados a nomear e explorar o mundo através do toque e da linguagem. Cada encontro foca em um elemento da natureza (água, terra, fogo, ar e éter), promovendo conexões sensoriais e aprendizados significativos. Por exemplo, o encontro com a água explora sensações como o movimento e o som, enquanto o encontro com a terra envolve texturas e simbolismos como a fertilidade. Essas atividades são guiadas por referências teóricas como a Ayurveda e a Psicanálise, buscando integrar os bebês ao mundo através de experiências sensoriais ricas e significativas. 

De 4 a 25/7, quintas, das 10h30 às 12h
Espaço de Brincar
Livre – Autoclassificação 

Como Faz Casa João de Barro?
com Daterra Educação e Permacultura – A Construção Ancestral 

A oficina destaca técnicas ancestrais de construção adaptadas às condições locais, como o pau a pique e a taipa de mão, que utilizam materiais naturais como bambu e barro. Com o advento do cimento, há um século e meio atrás, houve mudanças significativas na construção civil, trazendo benefícios e danos ambientais. A proliferação de insetos como o barbeiro, associada a construções mal-acabadas, foi mal interpretada, levando a campanhas de erradicação indevidas. O ensino correto dessas técnicas tradicionais às crianças é fundamental para uma educação inclusiva e consciente, promovendo a preservação cultural e ambiental através de atividades práticas de construção com materiais naturais. 

Dias 6 e 27/7, sábados, das 14h às 15h30
Gramado Superior
Livre – Autoclassificação 

Imaginário
com Cia Amora

Um espaço interativo para primeiríssima infância voltado a experiência com elementos naturais onde as crianças usam seus sentidos para explorar e tentar entender o mundo ao seu redor. Quando estimulamos o aprendizado por meio de experimentos junto a natureza o desenvolvimento da criança é muito mais pleno. O espaço de atividade é preparado para que os bebês interajam com diferentes texturas e elementos naturais que estimulam sua imaginação e criatividade sempre em harmonia com a natureza.

Dia 14/7, domingo, das 10h30 às 12h
Espaço de Brincar
Livre – Autoclassificação
Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência. 

Brinca Libras
com Cia Amora

Proposta com estímulos para aprendizado na Língua Brasileira de Sinais (Libras), explorando a comunicação visual e gestual, mergulhando no mundo da Libras por meio de estímulos corporais, contação de histórias coletivas, brincadeiras de roda e cirandas. Essas experiências contam com uma mediadora surda e uma bilingue em libras, que se juntam para criar um ambiente inclusivo e acolhedor, onde as mãos e o corpo se tornam veículos de expressão, e as histórias são compartilhados.

Dia 17/7, quarta, das 14h às 15h30
Espaço de Brincar
Livre – Autoclassificação
Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência. 

Criaturas Vivas
com Daterra Educação e Permacultura

Combatendo a cosmofobia, que é o medo das vidas não humanas, podemos nos conectar melhor com a terra e ampliar nossa compreensão da existência. Uma maneira para isso é permitir que as crianças brinquem com elementos vivos, promovendo a descoberta de diversas formas de vida, inclusive microbianas. Na vivência Criaturas Vivas, os participantes irão coletar gravetos, folhas e sementes para construir criaturas de brinquedo, utilizando barbantes de algodão, incentivando assim uma interação respeitosa e criativa com o ambiente natural. 

Dia 20/7, sábado, das 14h às 15h30
Gramado Superior
Livre – Autoclassificação 

Retalhos, Saberes e Memórias – Confecção de Abayomis
com Cia Amora 

As Abayamis são bonecas que representam a cultura afro-brasileira, sendo símbolos de simplicidade artesanal e representatividade. Originárias do termo iorubá que significa “encontro precioso”, essas bonecas não apenas expressam arte, mas também conexão e alegria. Criadas pela artesã maranhense Valdilena da Serra Martins, as oficinas para produzi-las não apenas ensinam a técnica, mas também valorizam memórias pessoais e histórias compartilhadas, promovendo um significado cultural profundo 

Dia 24/7, quarta, das 14h às 14h40 e das 14h45 às 15h30
Espaço de Tecnologias e Artes
Livre – Autoclassificação
Grátis – Inscrições no local com 30 minutos de antecedência.

Literatura 

Vozes Negras Na Literatura
Com a Cia Alcina da Palavra

Mediação de leitura com um acervo contemplando livros onde protagonista é negro, ou onde há personagens negros, fortalecendo a autoestima da criança negra e o respeito às diferenças a favor de uma cultura antirracista. Um varal com fotos de autores e autoras negras com uma minibiografia, complementará o espaço de leitura e dará mais visibilidade a autoria dos livros. 

Dias 5 e 19/7, sextas, das 11h às 12h30
Biblioteca
Livre – Autoclassificação 

Histórias na Janela, Boca sem Tramela: Contos de Oralidade Afrobrasileira

Com Cia Alcina da Palavra 

Vamos vivenciar e realizar aspectos da cultura negra através da música, danças e brincadeiras, essas formas de expressão possuem uma linguagem onde cada gesto significa e representa ideias e sentimentos, emoções e sensações. Contação de história, roda cantada com músicas afro, afro-brasileiras e cantigas brasileiras, balaio com chocalhos e instrumentos de percussão, para brincar com as crianças, cantando e tocando.

Dias 6 e 20/7, sábados, das 16h às 17h

Área de Convivência

Livre – Autoclassificação 

Revoada Cantante

Com o grupo Passarinho Contou 

Uma banda ao vivo com canções para fazer dançara todos. Muita brincadeira e diversão garantidos nesse espetáculo que entrega música, brincadeiras, dança, performances teatrais e literárias para todo mundo apreciar junto. As músicas autorais passeiam pelo imaginário de muitos brasis para conectar a todos a partir de boas memórias e se reconectar com as crianças que fomos e somos. 

Dia 27/7, sábado, das 16h às 17h

Área de Convivência

Livre – Autoclassificação 

Esporte e Atividade Física 

Jogando com Sandro Carvalho

O objetivo da contratação do atleta Sandro Carvalho (Atleta da equipe Vedacit Guarulhos, com participação em Seleção Brasileira, várias conquistas Nacionais e Internacionais), é de conscientizar nossos alunos e público presente, que é possível se manter em plena atividade profissional, no mais elevado nível do Voleibol brasileiro aos 42 anos. Estimular e motivar a prática prazerosa dos nossos alunos e participantes, servindo de exemplo para eles.

Dia 13/7, sábado, das 14h30 às 16h
Quadra Vermelha
Grátis 

SESC SANTO ANDRÉ

Rua Tamarutaca, 302 – Vila Guiomar – Santo André

Compartilhar:

  • Data: 08/07/2024 08:07
  • Alterado: 08/07/2024 08:07
  • Autor: Redação
  • Fonte: Sesc Santo André









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados