Brasil - Mundo Famosos

Corpo de Zé Celso é cremado após impasse jurídico atrasar liberação

A cremação era um desejo do dramaturgo que faleceu aos 86 anos

  • Data: 07/07/2023 14:07
  • Alterado: 07/07/2023 14:07
  • Autor: Redação
  • Fonte: Uol/Folha Press
Corpo de Zé Celso é cremado após impasse jurídico atrasar liberação

Zé Celso

Crédito:Garapa Coletivo/Wikimedia Common

Após um impasse jurídico que atrasou a liberação, o corpo de Zé Celso será cremado em Itapecerica da Serra nesta sexta-feira (7). O deputado estadual Eduardo Suplicy (PT) e Helena, sobrinha do dramaturgo, conseguiram a autorização para o procedimento.

A cremação era um desejo de Zé Celso Martinez, que morreu aos 86 anos após um incêndio tomar conta de seu apartamento em São Paulo. Com queimaduras em 53% do corpo, ele ficou internado na UTI do Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos.

Em conversa com o UOL na tarde de quinta-feira (6), Suplicy contou que esteve no IML para providenciar a autorização da cremação. No entanto, a equipe de Zé Celso explicou que o impasse ocorreu porque a juíza responsável pelo caso encerrou o expediente antes de conceder a liberação.

O corpo de Zé Celso foi velado madrugada adentro no Teatro Oficina, aberto ao público e com direito a uma live no Instagram. Além disso, um telão foi montado na rua para a transmissão do rito, que festejou a vida do artista que revolucionou as artes cênicas no Brasil.

O corpo do artista chegou ao local por volta das 23h, e os presentes entoavam músicas e gritavam “Viva Zé”. O marido, Marcelo Drummond, liderava o cortejo na frente do carro.

O velório ficou aberto ao público até as 9h. Em seguida, a família do artista esteve em uma cerimônia reservada, programada para ocorrer até as 11h.

Compartilhar:










Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados