52 jovens da Fundação CASA são aprovados para Etec e Fatec

80% deles passaram na primeira lista de chamada; Adolescentes escolheram 22 cursos para Escolas Técnicas Estaduais e sete formações superiores em Tecnologia

  • Data: 30/01/2024 17:01
  • Alterado: 30/01/2024 17:01
  • Autor: Redação
  • Fonte: Fundação CASA
fundacao-casa-educacao

Crédito:Fundação CASA/Divulgação

Você está em:

O mês de janeiro traz notícias positivas para 52 adolescentes que cumprem ou cumpriram medida socioeducativa de internação em 35 centros de atendimento da Fundação CASA localizados em 25 municípios paulistas. Eles e elas foram aprovados nos processos seletivos para as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs), ambas do Governo do Estado de São Paulo, administradas pelo Centro Paula Souza. 

Do total, 42 jovens passaram na primeira lista de chamada para matrículas, sendo 38 para a Etec e quatro para a Fatec. O índice na primeira chamada representa 80,8% das aprovações da Instituição. Os aprovados prestaram vestibulinho para 22 cursos técnicos, além de vestibular para sete cursos superiores de Tecnologia. 

As provas para a Etec e Fatec foram aplicadas, respectivamente, em dezembro do ano passado e janeiro deste ano. Na ocasião, a Fundação CASA inscreveu 163 adolescentes para o vestibulinho da Escola Técnica e 47 jovens para o vestibular da Faculdade de Tecnologia. Os dez suplentes – quatro para a Etec e seis para a Fatec – aguardam as próximas listas de chamada. 

O Centro Paula Souza, autarquia do Governo do Estado, concedeu isenção nas inscrições dos jovens da Fundação CASA. “A inscrição gratuita é uma parceria institucional entre a Fundação CASA e o Centro Paula Souza que permite democratizar ainda mais o acesso dos adolescentes atendidos a uma chance de evoluir na sua formação como cidadão e como profissional”, avalia o presidente da Fundação CASA, João Veríssimo Fernandes. 

Os adolescentes aprovados vieram de centros socioeducativos localizados nas cidades de São Paulo, Diadema, São Bernardo do Campo, Santo André, Osasco, Praia Grande, Peruíbe, Mongaguá, Ribeirão Preto, Franca, Taquaritinga, Araraquara, São Carlos, Jacareí, Sorocaba, Cerqueira César, Limeira, Campinas, Irapuru, Mirassol, Presidente Bernardes, Araçatuba, Lins, São José do Rio Preto e Marília. 

O município de São Paulo concentra a maioria dos aprovados. Ao todo, são 16 adolescentes que cumprem ou cumpriram medida socioeducativa em oito centros de atendimento: CASAs Governador Mário Covas, Nova Vida, Ouro Preto e João do Pulo, no Complexo da Vila Maria; Juquiá e Rio Paraná, no Complexo do Brás; Chiquinha Gonzaga, no bairro da Mooca; e Jardim São Luiz II, na zona Sul da cidade.

Compartilhar:

  • Data: 30/01/2024 05:01
  • Alterado: 30/01/2024 05:01
  • Autor: Redação
  • Fonte: Fundação CASA









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados