Brasil - Mundo Política

Lula defende criminalizar quem espalha fake news sobre vacinação

"É preciso criminalizar quem dissemina informações falsas sobre vacinação", defendeu o presidente

  • Data: 12/12/2023 10:12
  • Alterado: 12/12/2023 10:12
  • Autor: Redação
  • Fonte: Estadão Conteúdo
lula

Lula

Crédito:Canal Gov

Na live semanal que realiza às terças-feiras, o Conversa com o Presidente, Luiz Inácio Lula da Silva iniciou a transmissão falando da importância da área da saúde, ao lado da ministra dessa pasta, Nísia Trindade. Lula criticou duramente os “negacionistas” e todos os que espalham fake news sobre as vacinas. “É preciso criminalizar quem dissemina informações falsas sobre vacinação”, defendeu o presidente.

A titular da Saúde também teceu severas críticas aos negacionistas e culpou a gestão anterior, do ex-presidente Jair Bolsonaro, pela “péssima gestão da pandemia”, sem um programa eficiente de imunização, não apenas para a covid, mas para outras doenças que precisam de imunização. “Estamos voltando a ter aumento, por exemplo, de 60% na imunização do HPV, que prevê combate ao câncer de útero”, disse a ministra.

Segundo ela, houve uma “destruição” no governo anterior do até então eficiente programa de vacinação no Brasil, sobretudo a vacinação infantil. “O movimento antivacina não ocorre apenas no Brasil, mas há uma disseminação de divulgações falsas sobre o assunto”, disse, emendando: “as fake news confundem a população sobre a importância da vacinação.” Segundo ela, até alguns setores políticos referendam essas informações, levado pânico à população.

Compartilhar:

  • Data: 12/12/2023 10:12
  • Alterado: 12/12/2023 10:12
  • Redação
  • Estadão Conteúdo









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados