São Paulo Cultura

Dia do Samba será celebrado em SP

Comemoração será realizada dia 2 e contará com as presenças de Xande de Pilares, Negra Li, Paula Lima, Anelis Assumpção e outros sambistas célebres

  • Data: 27/11/2023 20:11
  • Alterado: 27/11/2023 20:11
  • Autor: Redação
  • Fonte: Prefeitura de São Paulo
Caminhos da Reportagem revela diversidade do samba de roda baiano

O samba de roda carrega tradições que passam de geração a geração

Crédito:Divulgação TV Brasil

A Prefeitura anuncia as comemorações ao Dia do Samba, no próximo dia 2 de dezembro. Neste ano, um dos gêneros mais característicos da cultura brasileira ocupa de maneira inédita o palco do Theatro Municipal com roda de samba e homenagens a grandes sambistas.

Com nomes da velha guarda e da atualidade do gênero, o Municipal recebe artistas como Xande de Pilares, Paula Lima, Anelis Assumpção, Klau Nogueira e Negra Li em celebração que faz reverência ao samba e, como nas rodas de samba, transforma os próprios cantores nos mestres de cerimônia, proporcionando-lhes a oportunidade de anunciar a atração que ocupará o palco após seus shows.

Além das performances individuais, o Dia do Samba no Municipal também saúda e homenageia as figuras notáveis que ajudaram a construir e consolidar o gênero como um dos principais da cultura brasileira. Entre os homenageados estão a cantora Leci Brandão, Manezinho, o primeiro mestre-sala de São Paulo, Carlão do Peruche, Tia Irene, da Ala das Baianas da Nenê de Vila Matilde, e Dona Guga, da escola de samba Morro da Casa Verde. Como forma de enaltecer essas figuras e enriquecer a experiência da celebração, serão apresentadas breves biografias de cada personalidade, proporcionando ao público uma compreensão mais profunda e contextualizada da importância de cada uma delas.

Para a secretária de Cultura, Aline Torres, o samba sempre o principal guia de ensinamentos. “Com ele tive a minha formação cultural, social e minha identidade. Nesse Dia do Samba, vale sorrir e cultuar esse gênero, mas também refletir o quanto uma cultura marginalizada foi tão importante para a construção da nossa sociedade”.

Com origens na cultura africana, o samba teve seus primeiros registros na segunda metade do século XIX, trazido por pessoas escravizadas à época e relacionado com rodas de dança. O Samba Paulistano é reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial da Cidade de São Paulo, por meio do CONPRESP (resolução 23/13).

Serviço – Dia do Samba:
Data: 2 de dezembro de 2023
Local: Theatro Municipal
Endereço: Praça Ramos de Azevedo, s/nº – Sé
Confira a programação

Compartilhar:

  • Data: 27/11/2023 08:11
  • Alterado: 27/11/2023 08:11
  • Redação
  • Prefeitura de São Paulo









Copyright © 2023 - Portal ABC do ABC - Todos os direitos reservados